• Análise de Discurso Crítica

Pesquisas humanas são desafio em tempos de isolamento social

Por Agência Conexões


A produção acadêmica brasileira segue firme, mesmo com o isolamento social, ainda que em tempos de desmonte do ensino superior público e em meio a tantas incertezas causadas pela pandemia. A Conexões conversou com três doutorandos do Programa de Pós-graduação em Estudos Linguísticos da Universidade Federal de Uberlândia (PPGEL/UFU), e apresenta algumas das várias pesquisas desenvolvidas durante 2020. Em um balanço do ano, esses pesquisadores nos contam sobre suas dificuldades, surpresas e níveis de trabalho que o ano trouxe.


Anísio Batista Pereira desenvolve sua tese sobre a infância nos poemas de Arnaldo Antunes e Manoel de Barros, pesando especialmente sobre as subjetividades da infância e das crianças como uma classe social que tem as suas especificidades.


Conceição Maria Alves de Araújo Guisardi pesquisa sobre a prática social de ingresso e de permanência no ensino superior por meio das cotas sociais e raciais. Ela analisa como os estudantes cotistas se identificam e se representam, além de como eles são identificados e representados por diferentes atores sociais, tais como professores universitários, a mídia e o governo.


Lucas Araujo Chagas investiga como acontecem os movimentos de internacionalização na UFU, em especial tratando do que há de político-linguístico nesses movimentos, o que há de desdobramentos e contradições que são evidenciados pela linguagem neles.


Leia o texto completo aqui.

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo